As ações de marketing direcionadas ao público infantil


Cada vez mais vemos ações de marketing direcionadas ao público infantil. É uma forma de conquistar os pais por meio das crianças e também um caminho de fidelização desde cedo. A criança cresce com atitude positiva em relação à determinada marca devido ao percurso mercadológico desenvolvido que inclui a performance do produto tanto no ponto de venda (lojas, supermercados etc) quanto em suas inúmeras formas de divulgação (publicidade, product placement, eventos, teatro, cinema, escolas etc).
 
Questiona-se até que ponto a criança deve ser alvo desse tipo de mensagem. E avançando no debate, questiona-se o direcionamento de mensagens de produtos para adultos como produtos de limpeza (caso minus, pato gel, etc), automóveis (caso fiat, ford), produtos de higiene pessoal, entre outros. Sobre esse último, o caso do produto Lifebuoy é interessante para uma breve análise.
 
A marca Lifebuoy é especializada em higiene pessoal incluindo produtos como sabonetes e álcool em gel. Para promover sua marca, criou uma ação de marketing patrocinando o espetáculo musical do fenômeno midiático infantil Galinha Pintadinha. Uma música específica foi criada para fixar o hábito de lavar as mãos e, claro, consequentemente a marca.

Além da música, o show conta com promotores e bonecos caracterizados como sabonete e uma grande bactéria. Há distribuição de almofadas da marca para que as crianças visualizem melhor a apresentação, e são entregues sabonetes, giz de cera, desenhos para colorir e bolinha de sabão com rótulos personalizados. É um circuito de diversão e brindes patrocinado para aumentar as vendas.
 
Conscientizar a população para uma melhor higiene e suas alternativas em relação às crianças e aos adultos parece ser algo positivo e relevante, no entanto, quando essa ação é calculadamente planejada por uma marca para atingir o público infantil e persuadir adultos a gastar mais com o produto

Fonte: 
http://www.consumismoeinfancia.com/